Pages Navigation Menu

Entre na maior comunidade brasileira de encontros para sexo casual

Como fazer sexo anal de modo prazeroso

Muitas mulheres evitam a questão da penetração anal com o seu parceiro: medo de sentir dor ou tabu? Receba dicas sobre sexo anal, uma prática sexual muito apreciada pela maioria dos homens, porque o anus, sendo mais apertado, estimula de forma mais intensa o penis e, por lado da mulher, sentindo mais a presença do penis dentro dela, fazendo gozar os dois parceiro de uma forma muito prazerosa.
Alem disso, o sexo anal permite de fazer sexo também quando a mulher está no “vermelho” e por isso é chamado também de “foda do período do ciclo”.

A origem do termo sodomia

Não confunda os Sodomitas (os habitantes da cidade de Sodoma) e sodomitas (os seguidores de penetração anal, com s minúscula). Segundo a Bíblia, os primeiros deixaram a sua cidade destruída por Deus, para punir seus hábitos sexuais perversos. Naquela época, os habitantes de Sodoma eram repreendidos por o enorme apetite sexual e tendência a sodomia, no sentido de sexo anal.

Uma pintura grega com una cena de sexoUma prática proibida por muito tempo

Na Roma antiga, sodomizar um escravo era um sinal do poder do dono encima dele. Desde o século XIII até o século XVIII, esta prática era punida por lei com a morte na fogueira (o primeira fogueira certificada remonta a 1277). A Igreja condenou estes “imoral libertinos”, mesmo quando esse ato era praticado entre adultos com consentimento de ambos os parceiros. Em 13 estados do EUA a abolição da lei que proibia o sexo anal veio apenas em 2003.

Por que os homens gostam tanto?

Um homen cada três pratica regularmente o sexo anal. E você gata, se você concordar em tentar, seu parceiro poderá dar livre curso às suas fantasias de dominação. Do ponto de vista físico, o sexo anal para os homens é um momento de puro prazer. O esfíncter anal é mais apertado do que a vagina, de modo que o pênis será mais comprimido eo prazer mais intenso.

O que as mulheres pensam?

Poucas mulheres oferecem de sua própria iniciativa para o parceiro de fazer sexo anal, mas depois de tentar muitas admitem de ter gostado. Algumas ainda se recusam por medo de sentir dor ou simplesmente porque a consideram uma prática degradante. Mas com um parceiro atento, essa reticência desaparecerá. E algumas mulheres (mais do que você pensa…) gostam do sexo anal pelo mesmo motivo dos homens: sendo o anus mais apertado, elas sentem de forma mais aguda a presença do pau que las está penetrando.

As precauções

O ânus é uma área sensível e pode também ser uma fonte de prazer para as mulheres. Mas para alcançar o êxtase, devemos começar com uma boa lubrificação. Ao contrário da vagina, ânus não se lubrifica naturalmente. Evite a vaselina, que é um lubrificante graxo. Como melhor ao invés os lubrificantes à base de água ou silicone, que agora se encontram facilmente, mesmo na farmácia.
A penetração deve ser feita com cuidado, peça ao seu parceiro para iniciar a acariciar o ânus para relaxar. A introdução de um dedo, antes da penetração efectiva, também podem contribuir para o relaxamento do esfíncter anal. O movimento de penetração, então será mais fácil.

Uma bunda gostosa e muito sexyAs posições

Sexo anal pode ser praticado em diversas posições, de modo a variar o prazer: a mais utilizada é aquela com a mulher de quatro ou em pé, dobrada a noventa graus com o peito apoiado sobre uma mesa ou sobre a parte de trás de um sofá.
Esta posição também permite a estimulação do clitóris para aumentar o prazer: esta associação irá surpreendê-la. Para ser mais confortável, você pode ficar de barriga para abaixo. Se vocês querem experimentar o sexo anal com mais delicadeza, pode faze-lo deitados de lado, uma posição que permite de multiplicar as sensações. Se você pertence à categoria daqueles que preferem ver seu parceiro durante a penetração, fique sentada em cima dele. Nesta posição você pode ter sob controle a penetração do pau em seu ânus, podendo decidir o ritmo e a quantidade de penis que vai pegar, enquanto seu parceiro pode se concentrar em manter o pau em ereção e em controlar a gozada.

Riscos e infeções

Nunca vamos cansar de repiti-lo: não para as penetrações brutais. Podem machucar, causar micro-lesões ou sangramentos. Não hesite em avisar seu parceiro, se você sentir desconforto.
E, claro, use sempre a camizinha! O risco de transmissão de doenças sexualmente transmissíveis existe sempre. Então, use sempre um preservativo, porque a mucosa retal é particularmente frágil e porosa.
Em fim, nunca passar de penetração anal para a vagina. Os germes contidos no reto pode causar uma infecção vaginal. Uma dica: tome um banho juntos, troque o preservativo, e continuar a sua noite de fogo!

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.